2 de fevereiro de 2012

CALEIDOSCÓPIO 33

EFEMÉRIDES – Dia 2 de Fevereiro

Frank L. Packard (1887-1942)
Frank Lucius Packard nasce em Montreal, Canadá. Engenheiro civil de profissão, trabalha no Canadian Pacific Railway. A partir de 1911 dedica-se à escrita, em 1914 escreve e publica The Miracle Man e em 1917 inicia a série protagonizada por Jimmie Dale com The Adventures of Jimmie Dale (1917). Jimmie é um aventureiro, um malfeitor para a polícia e um justiceiro para os delinquentes. Este personagem, nascido fabulosamente rico e graduado em Oxford, é sócio do sigiloso St. James Club, solteiro, rodeado de servidores é um conquistador entre as mulheres de alta sociedade, onde conhece tudo e todos. Aborrecido, disfarçado de vagabundo, converte-se em Larry o Morcego, para se permitir os roubos convenientes, divertindo-se a desarticular os grandes bandos violentos, deixando a marca pela qual é conhecido Gray Seal — o selo cinzento.


Frank Gruber (1904-1969)
Nasce em Elmer, Minnesota, EUA. É também conhecido pelos pseudónimos Charles K. Boston, John K. Vedder e Stephen Acre. Fixa-se em Iorque onde passa momentos difíceis enquanto escreve para revistas. Publica o primeiro romance, um western, em 1934, mas só em 1940 alcança a fama com o primeiro livro policiário, The French Key, seguido de The Laughing Fox, do mesmo ano, protagonizado pela dupla Johnny Fletcher e Sam Cragg, dando início a uma série de bons romances policiários. Johnny e Sam são uma parelha de vendedores de um único livro, oportunistas, mas inteligentes. O primeiro é um cérebro, mas um bom cérebro que assombra a própria polícia com as deduções e descobertas sobre os crimes que se lhe deparam, é uma espécie de detective amador, Sam designado por jovem Sansão, é a forma em que se apoia o primeiro. Johnny Fletcher e Sam Cragg, sem família e sem emprego fixo tentam viver e divertir-se, o que nem sempre é fácil… ressalvando o humor e o optimismo que dão mostras.
Frank Gruber escreve mais de 60 livros policiários, mais de 2 centenas argumentos para cinema e televisão e cerca de 300 contos para revistas, reproduzidos em várias colecções e antologias.
Em Portugal diferentes editoras têm vindo a publicar os livros de Frank Gruber. O primeiro a ser editado, em 1951, pela Livros do Brasil , o nº51 da Colecção Vampiro é O Enigma do Quarto Fechado (The French Key). A
Livros do Brasil-Vampiro editou já mais 30 títulos diferentes de Frank Gruber. A Publicações Europa – América também publicou uma dezena de livros de Frank Gruber na Colecção Livros de Bolso, Clube do Crime.


Georges Pierquim (1922)
Nasce em Aix-en-Provence, França. Escritor, jornalista, fotógrafo, produtor de televisão. Dedica-se ao rádio com Claude Duvel, tem um programa de enigmas policiais. Escreve o primeiro romance com o pseudónimo Georges E. Perkins em 1955 L’Assassin Frappe Deux Fois. Com um intervalo de cinco anos, volta a escrever com a colaboração de Jimmy Guieu; adoptam o pseudónimo Jimmy G. Quint e escrevem romances de espionagem Destination Cataclysme (1960), Vengez Ma Trahison (1961) e Pouvoirs Spéciaux (1961) etc. etc. Só ou em colaboração escreve três ou quarto livros por ano.

Sem comentários:

Publicar um comentário